Quem quer, faz.

Entre pás, vasos, mudas e minhocas, a repórter Carol Costa vai passar um mês com as mãos sujas de terra. Será que a semente vai vingar?

A revolução das pás
Li recentemente sobre algumas pessoas que fazem jardinagem libertária. A idéia é simples e, como toda intervenção urbana, acontece sem aviso prévio: as pessoas vão até o canteiro, pracinha ou parque mais próximo e plantam. O que será plantado não importa muito. O valor da coisa está em agir sem pedir licença pra ninguém, sem esperar que a Secretaria disso ou daquilo mande uma autorização em três vias. Verde, mas anárquica.

A chiadeira cresce tão rapidamente quanto essas intervenções ecológicas. Responsáveis pelos órgãos competentes reclamam que algumas espécies podem trazer mais problemas que benefícios. É o caso de árvores de raízes profundas ou troncos quebradiços e de mangueiras, abacateiros e outras espécies de frutos polpudos, que podem cair sobre carros ou pessoas.

A preocupação dos governantes é válida, sim. Mas, convenhamos: alguém disposto a sair de casa com luvas, pás e enxada não teria a insensatez de plantar uma jaqueira em pleno meio fio, né? Isso porque jardineiros libertários precisam ser, antes de tudo, jardineiros. Pelo menos, devem entender minimamente de coisas como transplante e poda. Caso contrário, todo o esforço de plantar terá sido em vão.

Vou aproveitar o final de semana para fazer uma visitinha à praça em frente à minha casa. Pode ser que vá acompanhada de pás e rastelos. O negócio é aproveitar enquanto plantar ainda não é crime.

Postado por Carol Costa – 03/10/2008

Anúncios

4 Respostas to “Quem quer, faz.”

  1. heheh.. é verdade, é bom ter uma noção, oficinas disso, de permacultura ajudariam a se disseminar a prática né. mas é isso, quem quer, faz. abraço!

  2. Plantar sem autorização é proibido… roubar também…
    Mas eu garanto que só faço as duas primeiras….

    Engravatados ou não, que tem as mão sujas de sangue e suas cuecas cheias de dinheiro, qual fazem??

    As minhas mãos, eu quero sujas… mas só de terra!!!!
    Plantar é preciso…

  3. errei ai em cima….
    Ere plantar e podar…. e Roubar!!!!
    Eu não roubo nem beijo…rs…

    abração a todos!!!

  4. Eu também não roubo. Ainda…

    Essa Carol é uma infiltrada. A pouco tempo ela fez uma experiência parecida, passou um tempo experimentando usar a bike na cidade.

    Adoro este blog, parabéns e obrigado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: