Arquivo para fevereiro, 2008

Matéria a respeito da Jardinagem Libertária.

Posted in textos on fevereiro 26, 2008 by walfridoneto

Uma pessoa ligada a um pequeno jornal alternativo de Porto Alegre entrou em contato para fazer uma entrevista a respeito da J.L. A seguir estão as perguntas e as respostas que foram enviadas. Como essa é uma ação coletiva e sem líderes, estou publicando o texto para que todos os participantes tenham a oportunidade de dar sua opinião sobre o que foi escrito.

Quais são os princípios da Jardinagem Libertária?

A Jardinagem Libertária não é um movimento. É uma idéia.
Eu não sei de onde veio essa idéia, mas me parece que ela estava no ar, no subconsciente coletivo. É uma idéia de várias pessoas e ao mesmo tempo, não é de ninguém.
Para alguns é uma idéia contagiosa, divertida e fértil, como se tivesse vida
própria. Para outros é irresponsável, um desrespeito à propriedade e à admnistração pública.
Uma coisa eu sei. Pode não parecer, mas a Jardinagem Libertária é uma idéia perigosa. E é assim por que ela nos faz olhar o mundo à nossa volta como sendo nosso.
Por muito tempo nós deixamos o controle das nossas cidades, das florestas
e do mundo como um todo às autoridades. E o que aconteceu?
Nas últimas décadas temos assistido enquanto o mercado imobiliário transforma nossas cidades em puleiros claustrofóbicos de concreto. Enquanto indústrias poluem nossos rios e mares. Enquanto as árvores, parques, calçadas, praças e espaços de convivência comunitária em geral são cobertos por asfalto para beneficiar o transito barulhento de máquinas particulares.
Esse não é o mundo no qual nós queremos viver, e nós estamos aqui para dizer aos donos do poder e aos donos do dinheiro que o mundo não é deles.
As ruas são nossas! E nós vamos retomar o controle sobre elas!
Nós vamos quebrar o concreto impermeável para deixar a Terra respirar. Nós vamos plantar árvores frutíferas para alimentar os pássaros e as crianças. Vamos plantar flores para as velhinhas e os amantes. Vamos convocar a vizinhança e criar uma horta comunitária para recobrar nossa autonomia alimentar e, quem sabe, nunca mais ver alguém passar fome por não ter dinheiro. Nós vamos reconstruir as cidades para que elas sirvam às necessidades que quem vive nelas. E não vamos pedir autorização para ninguém.

A Jardinagem Libertária está ligada a alguma organização/partido político?
Não

De quem foi a iniciativa de trazer a prática da Jardinagem Libertária para Curitiba?
De muitas pessoas; e também das gralhas azuis, que plantavam araucárias muito antes de nós pensarmos nisso; e das abelhas que sempre polinizaram as flores.
A Jardinagem Libertária sempre existiu, a única coisa que estamos fazendo é chamar mais gente para ajudar.

Como são as ações do movimento? Em Curitiba, quanto voluntários, em média, elas reúnem?
As ações são descentralizadas e espontâneas. Geralmente uma pessoa, ou um grupo faz um convite para uma ação em um local que precise ser revitalizado.
Os convites são publicados no blog e se espalham no boca-a-boca ou através de panfletos e a quantidade de voluntários que comparece em cada ação varia muito.
Algumas vezes um único Jardineiro Anarquista realiza uma pequena ação solitária. Outras vezes as ações acabam se tornando grandes festas com algumas dezenas de pessoas. A ação com o maior número de pessoas da qual eu participei tinha aproximadamente 30 jardineiros, artistas e ciclistas.
Então, nós tomamos terrenos abandonados a anos, que atraem atividades criminosas e criamos espaços de convívio comunitário. Transformamos calçadas estéreis e gramadões tediosos em jardins cheios de vida e diversidade. Ocupamos espaços reservados para os carros e fazemos piqueniques e distribuição de mudas. Qualquer coisa é possível.

Há outra cidade brasileira que participe do projeto?
Até o momento existem 6 cidades com grupos autônomos:
Curitiba (PR), Blumenau(SC), Campo Grande (MS), Porto Alegre (RS), São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ). Mas todas as semanas novos voluntários aparecem e se organizam sozinhos para criar novos grupos e ensinar e aprender juntos.

De que forma vocês acham que a Jardinagem Libertária pode contribuir para melhorar efetivamente a paisagem urbana?
Recolocando o ser humano em contato com a sua natureza interior. Fazendo com que ele volte a valorizar as árvores, a observar os pássaros, a admirar as flores em suas ruas. E então as pessoas não vão aceitar que aquela árvore que elas mesmas plantaram seja cortada para que se amplie o asfalto, ou que o parque onde suas crianças brincam seja transformado em mais um shopping center.

• Para participar das ações do grupo na sua cidade ou para criar um novo grupo, você pode acessar o blog:
https://jardinagemlibertaria.wordpress.com
Mas você não precisa usar a internet para praticar a Jardinagem Libertária. A única coisa que você precisa, é de vontade.

Almoço, Jardinagem, Mantras e Jardim de Volts em Curitiba

Posted in Uncategorized on fevereiro 22, 2008 by goura

 pca-pirata-043.jpg

Pessoal,

Convidando a todos para participar dum primeiro mantra de um “Jardim de Volts” que vai acontecer na Praça Pirata, em Curitiba.

Um esboço do que pode ser um Jardim de Volts, está aqui: http://estudiolivre.org/tiki-index.php?page=JardinDeLosVolts

Voce pode participar de 3 maneiras:

1 – Mandando um mp3 ou ogg de 1min a 5min pra organismo@gmail.com (ou postando em www.estudiolivre.org e me avisando nesse email). Os arquivos sonoros devem conter qualquer mensagem musical e/ou em forma de frase para sua contribuição no mantra.

2- Plantando uma árvore – no mesmo dia em sua cidade (De preferencia um limoeiro, pra poder rolar a bricadeira com volts… mas qualquer ato simbólico registrado ja é algo).

3. compareçendo ao encontro na Praça Pirata em Curitiba (leve o arquivo sonoro ! )

A concentração acontece no Govardhana Yogashala  *Rua Augusto Stresser, 207* com um almoço crudívoro, música indiana, prática de yoga, trocas etc.

Prática de Yoga – 10hs

Almoço Vivo – 13hs

Grupo Campo Grande (MS)

Posted in grupos on fevereiro 20, 2008 by walfridoneto

earth_first_symbol.jpg
Mais um grupo de jardineiros anarquistas!
Um grupo já está se formando em Campo Grande – MS.
Se você quer participar das ações, entre em contato:
jardinagem.libertaria.ms@gmail.com

Manual de Compostagem Caseira

Posted in dicas on fevereiro 20, 2008 by walfridoneto

Clique AQUI para aprender a fazer uma composteira.

Posted in imagens on fevereiro 13, 2008 by walfridoneto

appocalypse03sized.jpg
“Mesmo que o mundo fosse acabar amanhã,
eu ainda plantaria uma árvore hoje.”

praça pirata

Posted in imagens on fevereiro 12, 2008 by umdoistreis

dsc04612.jpg

atualmente esta é a praça pirata .. a galera ta mandando ver e flw que não está para bricadeiras.

Festa na Pça. Pirata

Posted in convites on fevereiro 10, 2008 by goura

kalki-004.jpg

Depois da próxima Bicicletada de Curitiba – 23/02 – convidamos todos a comparecerem na mais nova Pça. Pirata para mais uma sessão de jardinagem, arte livre, futebol, música, troca de sementes, pintura de ciclo-faixas e o que mais acontecer.

A Pça. Pirata foi instituída no dia 29/01 em um terreno baldio abandonado entre as ruas Dr. Goulin e Dr. Zamenhof, próximo do Estádio do Coritiba e do cemitério alemão.

Tragam seus utensílios criativos e espalhem a mensagem.

DIA 23/01 – a partir das 13hs – PIRATARIA NA PRAÇA