A finada horta coletiva do Portão

No início de 2007 conseguimos permissão para fazer um trabalho de recuperação em um terreno inutilizado no bairro do Portão, em Curitiba. Passamos quase um mês tirando entulho e escavando o lixo que foi enterrado pelos antigos locatários, donos de uma loja de sapatos que achavam que enterrar entre as árvores frutíferas era o melhor a se fazer com os copinhos de plástico, latas de alumínio, grampeadores velhos, canetas e lixo de escritório em geral, sem falar de outras bizarrices que encontramos por lá, como seringas usadas e até uma caixa de som. Após muito esforço limpando a área, conseguimos começar a plantar.

plantandoi_2.jpg

A idéia era transformar aquele espaço em uma horta coletiva, onde todos os que participassem dividissem os frutos. Mas acabou sendo muito mais do que isso. Durante alguns meses o terreno se transformou em um laboratório onde aprendemos a plantar, fazer mudas, podas, estacas, lidar com os elementos como a água que as vezes vem em excesso e depois faz tanta falta, o sol, o vento, os pássaros, abelhas e, principalmente, as pessoas. De todas que passaram por lá e ajudaram tanto, como o Mago Jardineiro, o meu amigo Dino, que agora mora na Europa, minha família, amigos e amigos de amigos que ensinaram e aprenderam juntos.

canal.jpg
Fazendo canal de infiltração para segurar a umidade no solo

Depois de algum tempo de trabalho, já começamos e colher os resultados, não somente todos os alfaces, rabanetes, goiabas, rúculas, ameixas, ervilhas, feijões e incontáveis outros alimentos que a terra nos deu, mas também a campanhia dos pássaros que voltaram a frequentar o lugar e chegavam a tomar banho quando a chuva formava um laguinho na sombra da goiabeira e o próprio espaço que nos acolhia, dando sombra nos dias quentes e silêncio em meio ao barulho da cidade.
colheita_portao.jpg

No final do mês passado (novembro) o terreno voltou a ser alugado, e perdemos o acesso à horta. Foi triste ter que ir buscar as ferramentas, e mais triste de saber que toda a área vai ser concretada para se transformar em um estacionamento, mas esse não é o fim da horta comunitária, outras pessoas se juntaram a nós e não estamos mais tão preocupados em ter a autorização dos proprietários ou das autoridades para trazer a vida de volta aos espaços urbanos. E nós não estamos sós, muitas pessoas estão retomando o espaço, quebrando o concreto e dando espaço para a terra respirar.

Viva a Jardinagem Libertária!

Se você quer postar o seu depoimento aqui, ponha seu endereço de email nos comentários para receber um convite para colaborador do blog.

Anúncios

11 Respostas to “A finada horta coletiva do Portão”

  1. Poxa! Muito legal a iniciativa de vocês!! Vamos copiar essa idéia por aí! :D parabéns.. E um 2008 repleto de vida e energia libertária para todos!!

  2. Um estacionamento. =/

    Curitiba está virando uma São Paulo.

  3. Parabens Pessoal, pela brilhante iniciativa da Horta Coletiva (Comunittaria)!

    obrigado pelo convite para o Curso, pena que estarei fora de Curitiba.

    Conviduos(as) a conhecer o nosso Projeto de Horta Comunitaria, distrito Industrial Mauá, atrás do barracão da Cohapar, nas imediaçoes da Vila Zumbi dos Palmares, proximo ao Clube Santa Monica. Colobo.

    Precisamos de voluntários(as) que queiram compartilhar do nosso sonho. São 600 m2 de area , inclusive nesta semana estamos colhendo milho verde.

    Esse projeto fica na Associaçao APOIO, fone 3675-8082. uma instituiçao social com quase 20 anos de experiencia junto äquela Comunidade.

    Aguardo contato,

    Reginaldo Araujo
    41 9103-5188

  4. Leniza Wallbach Says:

    Amigos, parabéns pela iniciativa e resistência! Temos que remar contra a maré e ter uma qualidade de vida dentro da cidade, abrindo espaço para novas idéias… Quero participar dos encontros e plantio de novas hortas comunitárias! Um abraço

  5. maria luiza mayr Says:

    Adorei a iniciativa! Cuido de um jardim em praça pública em frente da minha casa. Já faz oito anos que comecei a plantar árvores frutiferas e outras do agrado dos passarinhos. Algumas estão dando frutos, mas infelizmente, muitas foram roubadas ou machucadas por vandalos e pelos funcionários da prefeitura quando fazem o roçado da grama. Tentei o apoio da secretaria de obras para conseguir mudas, mas não consegui. Então, toco o meu projeto de pomar sózinha. Mas muito feliz, por que um dia sei que teremos frutas suficientes pra todos que passarem e quiserem ter o prazer de colher e comer uma fruta fresca.

  6. vc dá cursos sobre este assunto?Li algo sobre um curso em um comentário acima, se vc puder me enviar mais informações…obrigada!

  7. Denis Warkentin Says:

    Ola! trabalho com horta mandala na minha chacara. Gostaria de conhecer melhor o trabalho de voces. Se puderem me mandem informacoes!
    Obrigado

  8. www.ecopedagogia.com.br Says:

    Parabéns pelo trabalho de vocês. Não desistam, apenas melhorem as bases da experiência.
    Lembrei de uma experiência que tive com um grupo aqui em Salvador, nós transformamos uma pracinha onde só havia cactos com espinhos em uma praça arborizada, depois a Prefeitura colocou equipamentos como parque infantil e academia. Ficou muita linda e com função social e de lazer.

  9. Amsterdam has loads of brothels with tons of attractive ladies. Though a bit costly but the service was amazing.

  10. Cara, entre em contato comigo, estou trabalhando num projeto que pode te ajudar. Também estou interessado em aprender e vivenciar projetos nesse sentido. Fico no aguardo, abraço!

  11. you’re truly a excellent webmaster. The site loading velocity is incredible.
    It sort of feels that you are doing any unique trick. Also, The contents are masterwork.
    you have done a fantastic process in this subject!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: